| info@opais.net
Muito nublado
Luanda
Clique para aceder á Revista
RSS

Benguela

Henrique Calengue defende-se: ‘Sonauto é deficiente’

António Henrique Calengue, vicegovernador de Benguela, reagiu a um artigo publicado por O PAÍS, com o título “Lixo origina processo contra governantes de Benguela”. Refutando as acusações que lhe são dirigidas pela empresa de limpeza e recolha de lixo Sonauto, Calengue diz que as referências ao seu nome “desabonam e ferem gravemente” a sua imagem e dignidade. Numa nota de esclarecimento enviada a esta Redacção, o vice-governador diz que “em momento algum exigiu dos representantes da empresa Sonauto qualquer favorecimento financeiro ou “luvas”.

No segundo ponto do documento, esclarece que “em nenhuma circunstância manteve contacto com qualquer elemento ligado à empresa Sonauto, uma vez que a relação contratual e de trabalho directo sempre foi estabelecida com a Direcção Provincial do Urbanismo, Ordenamento do Território e Ambiente, área executiva do Governo com competências para o efeito”.

A empresa em causa prestou serviços de limpeza e recolha de lixo na zona “F” do município de Benguela, informa Henrique Calengue, para depois continuar que o contrato foi rescindido “pelo Governo Provincial, em finais de Novembro de 2011, em resultado da deficiente prestação dos serviços vinculados no no referido contrato, conforme atestam os relatórios mensais da empresa de fiscalização, contratada para o efeito”.

Finalmente, reitera o vice Henrique Calengue, “a rescisão do contrato com a empresa Sonauto, deveu-se, unicamente, a questões ligadas à deficiente qualidade dos serviços prestados pela empresa, e, jamais, por qualquer outro elemento de natureza subjectiva, que pudesse manchar a imparcialidade e boa fé, em defesa do interesse público e das populações, para as quais se destinam os serviços prestados, na melhoria do bem-estar e saúde pública”.

6 - 2 -2012
 
8
 

Comentários

  1. alberto Fernandes
    2012-04-01 00:54:23
    Dificiente e a forma como estes gatunos fazem as coisas! Dificiente é a empresa deles AmbiÁfrica, que para a fazerem crescer tem que arrumar outras mais sólidas,Sim porque a Sonauto é mais sólida, apresentou uma garantia bancária no concurso de 2 milhões de dólares e um atestado de idoneidade bancário a dizer que não tem qualquer responsabiliade bancária, portanto estáva pronta a investir 5 ou 6 milhões caso fosse preciso sem problema nenhum desde que não sentisse estas viarices! Sim vigarices por isso nunca entregaram o contato homologado e depois ainda pediram para assinar mais tres adulterando o concurso Publico. Meus caros estamos para ficar porque os donos desta empresa são Angolanos e não Portugueses com o comentam, não precisamos de prejudicar ninguem para fazer a SONAUTO CRESCER e muito menos manipular um concurso Publico. Quando não quiserem as coisas transparentes não façam Concursos Publicos entreguem logo ás empresas das esposas " estou a vossa trás>" cuidado.... cuidado... se levanto o véu... ides parar ao Caváco !Lá é o sitio dos Bandidos! Não me obrigueis a pedir audiência ao Sr. Presidente da Républica a contar o que andais a fazer em Benguela e a estragar tudo que este tem feito para desenvolver o Pais e vem uma camarilha em nome do partido a roubar tudo e todos para dar ás mulheres filhos e sogro. Esta Angola está Livre e com o executivo lutaremos para arrumar esta gente para que o Pais possa crescer e desenvolvesse com igualdade... esta é a vontade do executivo e assim vai ser !!!!
  2. Rangel
    2012-03-28 12:30:47
    Eu tenho acompanhado esta situação do início pelos jornais e em Benguela. Por muita razão que o camarada Henrique Calengue e a sua equipa de fiscalização possa eventualmente ter, não compreendo como só ao fim de um ano é que rescindiu contrato com a empresa em causa. Eu sei que deixaram a empresa em causa trabalhar, não pagando esses serviços e, 11 meses depois, mandam a empresa parar, rescindido contrato, sem pagar as contas. Camarada Calengue alguma coisa está mal da parte do Governo Provincial. Aproveito para pedir ao camarada Calengue que mande colocar um contentor a meio da minha rua, porque para eu ir deitar lixo, eu tenho de andar 450 metros. Obrigado. Rangel
  3. Benguela
    2012-03-07 15:36:12
    As pessoas serias resolvem os problemas com seriedade. Se suspenderam os serviços da Sonauto paguem o que devem. Inclusivamente o prejuízo de investir num negócio com um contrato de cinco anos. As pessoas civilizadas assumem os erros e a sua incompetência... e depois sofrem as consequências. Ou só depois de encher a barriga... é que a comida estava mal confeccionada e não quero pagar? Os contratos existem para serem cumpridos ou as assinaturas dos mais altos funcionários e responsáveis não são para serem levados a sério? Agora paguem a quem é de direito inclusivamente os juros das facturas em atraso, a suspensão do contrato e o prejuízo do investimento de um negócio desta dimensão. A Sonauto investiu num negócio cuje o contrato seria de cinco anos e tem que ser indemnizada pela falta de cumprimento do contrato. Claro que isto seria o justo num mundo de pessoas sérias... já no mundo de gatunos e corruptos vale tudo! Até prejudicar com calunias infundadas... mas existem testemunhas do povo do bom serviço desta empresa. Não se deixem enganar... alguém quer encher o seu bolso.
  4. Alberto Fernandes
    2012-03-06 23:00:36
    para Luis Nunes, Meu caro desafio para dar a cara num frente a frente, pois anda logo a correr a comentar abaixo do Sr. Calenga na sua defesa. Pois se não sabe eu informo, ! 1ºa Sonauto desde o primeiro dia no terreno foi bombardeada com manobras de diversão por parte de responsavel do ambiente e do actual administrador. 2º A empresa ofereceu varios serviços gratuitos á Provincia no valor superior a 50.000 usd e niguem comentou ou referenciou o bom trabalho da 1ª Feira internacional de Benguela ( ninguem viu ? ) 3ºO Administrador Mahungo só avisou a empresa uma semana antes que esta iria tratar da feira ( mas a empresa já lhe tinha visto os truques e já tinha preparado todo material 1 mês antes) 4º A actual fiscalização queria que a empresa facturasse serviços a estes para estes subfacturarem ao GPL, dito pelo fiscal Tulio Cordeiro. 5º Quando do estes alegam mau serviço, todos os Sobas fizeram um abaixo assinado a pedir ao Sr. Governador que precisam da empresa, pois limparam toda zona F e morrem menos 4 pessoas por mês apartir da data que eles limparam tudo e as lixeiras são agora campos de futebol, e o rio cavaco está limpo do lado deles e do outro não e ninguem quer saber. 6º A população fez abaixo assinado com cerca de 1000 assinaturas a dizer que a empresa trabalha muito bem e precisam dela. 7º A empresa respeita todos os Governantes da Provincia e o Grande Heroi nacional Sr. General Armando da Cruz Neto,mas não podia deixar de informar o Sr. Governador das actrocidades dos seus funcionários. 8º Basta passar no terreno e falar com toda gente que todos vão dizer igual foi feito um grande trabalho, sério e rigoroso até a data, mesmo depois de estar a trabalhar á 1 ano sem receber a totalidade de uma factura, será justo ? 9º A empresa tem um compromisso com o GPB, mas assima de tudo com o Chefe da Nação, e segue as suas rigorosas orientações, TOLERANCIA ZERO, E ASSIM SERÁ. 10º SE QUISER SABER MAIS VÁ para o TERRENO, SEJA SÉRIO !
  5. Luis Nunes
    2012-03-06 10:54:50
    Esse seu pseudónio é que lhe fica mal. Conte os factos com veracidade e seriedade. Quanto a "Vossa", o Sr. está enganado porque eu minha só tenho a casa e a carrinha, mas por essa reação parece que lhe toquei em alguma ferida, peço desculpa por isso mas a verdade é para ser dita
  6. Benguela
    2012-03-05 23:48:06
    Quando não queremos pagar inventamos desculpas. Se não gostamos de um serviço suspendemos após dois ou três meses. Agora só após 18 meses, sem pagar um mês, é que o serviço é mau? Muito duvidoso. E a empresa não foi notificada pelos serviços que fiscalizavam, que o serviço estava a ser mal prestado? Um processo muito duvidoso e pouco transparente. Qual o papel da empresa Ambiafrica? qual o interesse? vão ganhar alguma coisa com este processo? O Município que pague o que deve porque os trabalhadores compareceram ao serviço. A incompetência tem prazo quando dirigido por pessoas idóneas, agora quando a incompetência é a desculpa do incompetente ele utiliza para seu benefício próprio. Concluindo, incompetente foi quem contratou, quem fiscalizou e quem nada fez para mudar a situação por interesse ou conveniência. Não se deixem enganar... A sonauto não foi incompetente no serviço,se não teriam suspenso o serviço imediatamente. Agora existe interesses de empresas e pessoas que não se preocupam com o bem público,mas em encher os seus bolsos
  7. Alberto Fernandes
    2012-03-04 02:07:54
    ESSE SEU COMENTÁRIO COM PSEUDÓNIMO, PARA ALÉM DE FALSO É VERGONHOSO ! Pois a Soauto fez está a fazer um trabalho brilhante e por causa disso as autoridades tradicionais e o povo os está a apoiar, pedido-lhes para não sair ! Todo o processo de limpeza está viciado, e Errangol saiu porque lhe deixaram de pagar e como estavam cheios de compromissos não aguentaram e cederam ! E essa vossa empresa AMBIÁFRICA COMPROU TUDO, agora falta arrumar com a SONAUTO, mas não vai ser facil porque esta empresa é de Comandos QUE NÃO LHES DEIXAM COLOCAR CASCAS DE BANANA, por esses muambeiros gatunos
  8. Luis Nunes
    2012-02-07 07:44:24
    Cada um conta os factos à sua maneira isso não há dúvida. Em primeiro a empresa ERRANGOL saiu do Lobito de forma voluntária podendo dar lugar à Vista, AmbiÁfrica e Envirobac como estava estabelecido. A ERRANGOL não saiu por incompetência, antes pelo contrário, saiu por vontade própria. O caso da Sonauto é algo completamente diferente. A empresa sai por clara incapacidade técnica, lembro os mais desatentos que nos 10 meses de contrato a Sonauto andou 7 a recolher contentor com recurso a camião de caçamba basculante e com retroescavadora, algo impensável nos nossos dias, o equipamento de segurança dos trabalhadores limita-se a uma máscara e um colete. Os contentores da outra empresa foram roubados pela Sonauto, roubados é a palavra certa, depois de repostos com recurso à policia voltaram a ser roubados. Ou seja os casos são diferentes, a Errangol é e será sempre uma empresa séria dirijida por gente séria e não pessoas que tentam camuflar a sua incapacidade técnica com acusações desmedidas e com roubos a quem pretende fazer o seu trabalho. Aproveito para agradecer à Errangol o que fez para a mudança da imagem do Lobito
Nome

E-Mail

Comentário


Enviar Comentário
 
 

Newsletter



Subscreva tambem a newsletter da Exame

Capas da edição nº 281

 
 
 
Assine OPaís Online