| info@opais.net
Muito nublado
Luanda
Clique para aceder á Revista
RSS

USD 100 milhões na 1ª fase

Viver na Nova Vida

A urbanização Nova Vida, em Luanda Sul, vai contar com mais um empreendimento. Dá pelo nome de Viver, cobre cinco hectares, envolve, na sua primeira fase, um investimento de USD 100 milhões e apresenta a particularidade de se destinar às camadas mais jovens da população.

O novo projecto urbanístico procura associar elevados padrões de qualidade a preços considerados acessíveis, objectivo que levou os promotores a desenvolver um sistema de financiamento flexível, o qual permite o pagamento em prestações que se querem adaptadas à capacidade dos potenciais interessados. Um T0 custa USD 170 mil. Os interessados poderão optar por uma entrada inicial de 30% do valor do imóvel no valor de USD 51 mil, comprometendo-se com 29 prestações de USD 3.517,24 cada e, no momento de entrega das chaves, pagarão o valor residual de USD 17 mil.

o número
170
mil dólares é quanto custa um apartamento T0 no novo empreendimento
Já um T3 é comercializado ao preço de USD 440 mil, sendo a entrada, seguindo a mesma filosofia de pagamento, de 30% do valor total do imóvel, tendo cada uma das 29 prestações subsequentes o valor de USD 9.103,45. Para ficar na posse definitiva do apartamento o comprador entregará mais USD 44 mil. Todos os apartamentos, independentemente da respectiva tipologia, têm direito a um lugar de garagem.

As lojas são comercializadas a USD 450 mil e USD 650 mil, consoante a área adquirida seja de 100 ou 150 metros quadrados O ordenamento paisagístico foi alvo de um projecto próprio e vai dotar a nova urbanização de espaços verdes, quadra de ténis e parque infantil.

Nesta primeira fase, o complexo abarca oito edifícios de cinco pisos, servidos por elevadores, compreendendo 320 apartamentos (T0, T1, T2 e T3) e parque de estacionamento na cave. Abrange ainda a venda de 40 lojas (de 100 e 150 m2) destinadas a comércio e serviços, podendo três dessas lojas ser restaurantes ou cafetarias. A entrega aos proprietários far-se-á a partir de Março de 2012.

O novo complexo imobiliário tem a assinatura da GOP arquitectos, sendo a construção da responsabilidade da ARC. A comercialização está a cargo da Mobinvest e a promoção cometida à Living, Gestão e Promoção Imobiliária, a empresa imobiliária do Grupo Genius que está a construir o edifício Torres do Carmo.           

21 - 12 -2009
 
2
 
 
 

Newsletter



Subscreva tambem a newsletter da Exame

Capas da edição nº 281

 
 
 
Assine OPaís Online